Cabeçalho com logótipo da PERFIL - Psicologia e Trabalho, Lda. e respectiva certificação DGERT, 
e a imagem de uma cúpula com a citação de Anthony J. D´Ângelo - Sê aprendiz da mudança,
pois é a única coisa que permanece constante


Curso "A Rir também se Aprende/Ensina"

Apresentação do curso A rir também se Aprende/Ensina

Para mais informações, clique nesta ligação.


Curso "Deixe a Criatividade Fluir"

Apresentação do curso Deixe a Criatividade Fluir

Para mais informações, clique nesta ligação.


2ª reunião da parceria do Projecto Europeu “Turismo Inclusivo” - ERASMUS+ 2017

Realizou-se nos dias 17 e 18 de Abril, em Guimarães, sendo o anfitrião desta 2ª reunião da parceria, a CERCIGUI.

Aspeto geral da reunião com os participantes assistindo à projecção de uma apresentação Dos assuntos tratados, destacam-se:
Co-criação do Guia Metodológico
Divulgação
Materiais de Formação: actividades práticas
Gestão Administrativa e Financeira
Estiveram presentes os nossos consultores, Acácio Duarte e Dinis Duarte.

Logótipos dos parceiros do Consórcio para o desenvolvimento de um programa de formação 
para melhorar a empregabilidade das pessoas com deficiência no sector do turismo


Desenvolvimento de um programa de formação para melhorar a empregabilidade das pessoas com deficiência no sector do turismo

O Projecto Europeu “Turismo Inclusivo” visa apoiar a inserção profissional de pessoas com deficiência no âmbito do Turismo Acessível e Inclusivo (Sector do Turismo).

Na sequência do Projecto BRENDAIT “– Building a Regional Network for the Development of Accessible and Inclusive Tourism”, a PERFIL foi convidada pela Câmara do Comércio de Valência, a participar numa candidatura ao ERASMUS+ 2017. Para o desenvolvimento do Projeto, foi criado um Consórcio que envolve os seguintes parceiros europeus sendo que todos eles trabalham com pessoas com deficiência: AMICA (Espanha), CUDV DRAGA (Eslovénia), CERCIGUI & PERFIL (Portugal), CPU (Câmara de Comércio da Eslovénia).

O Projecto arrancou em Outubro tendo já havido, no passado dia 11 de Dezembro de 2017, a primeira reunião dos parceiros.

O principal objectivo é o desenvolvimento de ferramentas formativas inovadoras para aumentar as competências das Pessoas com Deficiência, dos formadores e técnicos que com elas trabalham e dos profissionais do setor do Turismo como forma de melhorar a empregabilidade das Pessoas com Deficiência no contexto do Turismo Inclusivo."

Logótipos dos parceiros do Consórcio para o desenvolvimento de um programa de formação 
para melhorar a empregabilidade das pessoas com deficiência no sector do turismo


Conferência de Encerramento do Projeto BRENDAIT

Logótipo do Projeto BRENDAIT com a descrição da sigla: 
Building a Regional Network for the Development of Accessible and Inclusive Tourism

Resultados do Projeto BRENDAIT, de turismo acessível para todos, superaram expetativas

O consórcio que desenvolveu o Projeto BRENDAIT, de apoio ao Turismo Acessível e Inclusivo para todos, apresentou hoje, 2 de março, os seus resultados, na Conferencia de Encerramento. Este projeto, de que o Turismo Centro Portugal é parte ativa, desenvolveu uma metodologia para criar uma rede de serviços turísticos na Região Centro acessíveis e inclusivos para todos, desde pessoas com deficiência a turistas mais velhos, passando por pessoas com mobilidade temporária reduzida ou grávidas em fim de gestação, entre outras.

Intervenção de Pedro Machado, Presidente do Turismo Centro Portugal Na apresentação, que ocorreu na Comissão de Coordenação da Região Centro (CCDRC), em Coimbra, Pedro Machado, presidente do Turismo Centro Portugal, destacou a importância do Projeto BRENDAIT para o estabelecimento da Região Centro, e do país, enquanto destino turístico para todos. “Este projeto pretende criar destinos turísticos inclusivos e acessíveis. No Turismo Centro Portugal acreditamos que só quando estiverem cumpridas estas duas premissas – acessibilidade e inclusão – é que teremos um destino turístico”, sublinhou Pedro Machado. “Falarmos num destino inclusivo é prepararmos melhor os agentes económicos do setor, qualificarmos melhor os seus serviços, para assim valorizarmos a própria atividade”, acrescentou. “A Região Centro já tinha trabalho a ser realizado nesta área, havia uma motivação inicial, o que nos levou a abraçar de imediato este projeto”, disse também.

O presidente do Turismo Centro Portugal viu ainda com satisfação a “ambição de que este projeto possa ser replicado para outras regiões, não só da Região Centro mas de Portugal”. “Projetos como este podem obter resultados cada vez mais expressivos a médio/longo prazo, uma vez que há milhões de potenciais clientes. A atividade turística é essencialmente económica e com projetos como este podemos potenciá-la: 15% da população tem necessidades especiais e, tendencialmente, o número vai aumentar, pois todos envelhecemos. Esta é uma grande oportunidade para os agentes do setor”, concluiu.

Também presente na apresentação, Teresa Ferreira, diretora do Turismo de Portugal, destacou o trabalho feito na qualificação da oferta turística. “O Projeto BRENDAIT possibilita que se desenvolvam produtos para serem vendidos a mercados diversificados”, frisou, referindo que o programa “All for All”, do Turismo de Portugal, segue o mesmo caminho, “promovendo Portugal como destino acessível”.

Coube a Dinis Duarte, consultor da PERFIL, apresentar os resultados do Projeto BRENDAIT, os quais não poderiam ser mais positivos, face à abertura das entidades e empresas turísticas contactadas: “Lançámos a semente do ‘turismo para todos’ e ela germinou. Contávamos com 20 parceiros e conseguimos 65”, resumiu.

Intervenção de Ivor Ambrose, Managing Director da European Network for Accessible Tourism (ENAT) Duas grandes vantagens em desenvolver o turismo acessível é o facto de poder combater a sazonalidade e de aumentar a taxa de ocupação, como destacou Maria João Martins, da Associação de Hotelaria de Portugal. “Os turistas deste segmento viajam muito fora das épocas tradicionais, viajam normalmente em grupo ou em família e ficam mais tempo”, recordou.

A oportunidade, todos o reconhecem, é enorme e há muito ainda para fazer. “Há 3 milhões de operações turísticas na Europa e só 300 mil dizem ser acessíveis para todos – apenas 10 por cento! E a procura é grande: há 140 milhões de pessoas na Europa com necessidades especiais quando viajam. É uma oportunidade óbvia”, resumiu Ivor Ambrose, Managing Director da European Network for Accessible Tourism (ENAT).

Fotografia de grupo dos vários oradores da Conferencia do Projeto BRENDAIT

Foram ainda oradores na apresentação Carina Gomes, vereadora da Câmara Municipal de Coimbra, que destacou o trabalho feito pela autarquia nesta vertente; Ana Abrunhosa, presidente da CCDRC; Jorge Umbelino, presidente do Conselho Técnico-Científico da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESTHE); Faria Veira, sócio-gerente da PERFIL; Magnus Berlung, Diretor de Acessibilidade da cadeia Scandic Hotels; Katerina Papamichail, arquiteta da ENAT; Luk Zelderloo, secretário-geral da European Association of Service Providers for Persons with Disabilities (EASPD); e Acácio Duarte, coordenador do Projeto BRENDAIT.

(texto original retirado de Turismo Centro de Portugal - 2 de Março de 2017)

Logótipo do Projeto BRENDAIT Publicação online do mini site do Projeto BRENDAIT

Foi publicado online um mini site do Projeto BRENDAIT onde se explica e descreve o seu conceito e âmbito, bem como as suas motivações, necessidades e efeitos. Este site inclui ainda os resultados que o Projeto BRENDAIT tem alcançado, uma lista de documentos em formato PDF onde se pode acompanhar o desenrolar das iniciativas e reforçar as informações deste ambicioso trabalho, e finalmente a lista dos parceiros, que juntamente com a equipa técnica, estão a garantir níveis elevados de sucesso deste projeto.

A equipa do Projecto BRENDAIT
A PERFIL, empresa especialista em Consultoria, Estudos e Formação em Turismo Acessível e Inclusivo, lidera o consórcio do projeto BRENDAIT - Building a Regional Network for the Development of Accessible and Inclusive Tourism. Os outros parceiros que compõem o consórcio são a Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal, a ESHTE - Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, a AHP - Associação da Hotelaria de Portugal e a ENAT - European Network for Accessible Tourism. Ler mais.








Cabeçalho com logótipo da PERFIL - Psicologia e Trabalho, Lda. e respectiva certificação DGERT

© PERFIL - Psicologia e Trabalho, Lda. Todos os direitos reservados.
Tel.: 218 515 122; Fax: 218 535 867; E-mail geral: perfil@perfil.com.pt
Optimizado para 1280x768 e Google Chrome

W3C: Esta página é válida para CSS nível 3. W3C: Esta página é válida para HTML 4.01 Transitional. Botão de ligação ao Facebook da Perfil - Psicologia e Trabalho